IX Congresso Catarinense de Obstetrícia e Ginecologia, IV Congresso Catarinense de Perinatologia

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

PERFIL DA GESTANTE PORTADORA DE DIABETES MELLITUS GESTACIONAL (DMG) QUE NECESSITA INSULINA COMO TRATAMENTO COMPLEMENTAR A METFORMINA.

Introdução

Avaliar o perfil da gestante portadora de diabetes mellitus gestacional (DMG) que necessita insulina como tratamento complementar à metformina.

Métodos

Foi realizado um estudo de caso controle onde foram comparadas gestantes portadoras de DMG que necessitaram tratamento com metformina e gestantes tratadas com metformina e necessitaram associação com insulina. No período de abril de 2011 a fevereiro de 2016. Foram avaliadas as características maternas: idade, gestações anteriores, IMC, ganho de peso, idade gestacional de início de tratamento e valores no teste de tolerância oral a glicose (TTOG). Com nível de significância de 95%.

Resultados

Foram avaliadas 475 gestantes, destas 109 (22,94%) necessitaram tratamento complementar a metformina. As características maternas mais relacionadas à falha na terapêutica com metformina apenas foram: Idade (31 vs. 34 p=0,02), número de gestações anteriores (3 vs 3,5 p=0,008), IMC (29 vs. 32 p=0,009), ganho de peso (1,3 vs. 3,4 p=0,009), início de tratamento (28 vs. 25 p<0,001) e a glicemia em jejum no TTOG (92 vs. 98 p<0,001) nos grupos com metformina e que necessitaram associação de insulina.

Conclusões

A gestantes que necessitam insulina para complementar o tratamento com metformina apresentaram maior idade, número de gestações anteriores, IMC, ganho de peso, iniciaram o tratamento precocemente e uma glicemia de jejum maior no TTOG.

Área

Ginecologia e Obstetrícia

Autores

ANDREZA IOLANDA APATI PINTO, LUCIANE HARITISCH, MATHEUS LEITE DE SOUZA, RODRIGO RIBEIRO E SILVA, THIAGO RIBEIRO E SILVA, JOÃO PEDRO DE PAULA BERTOLI, ANDREA BETINA SCHIMITT PALMIERI, JEAN CARL SILVA, LARISSA CANO DE OLIVEIRA